terça-feira, 4 de novembro de 2008

Pai diz que racismo pode encerrar carreira de Hamilton

LONDRES - Anthony Hamilton, pai do campeão do Mundial de Fórmula 1, disse que o racismo e outros insultos dirigidos ao filho poderiam encurtar a carreira do piloto da McLaren. Ele se disse consternado com o que chamou de campanhas odiosas realizadas em todo mundo contra Hamilton, que terminou o GP do Brasil, no último domingo, na quinta colocação e se tornou o primeiro piloto negro a ser campeão na Fórmula 1.

"Minha família sofreu vários abusos na última semana. Não só na última semana, mas nos últimos meses", disse Anthony Hamilton à imprensa britânica. "Eu acho que talvez este não seja o lugar para a minha família, porque, como pai, não considero que seja correto fazer essas coisas com famílias e crianças".

Anthony Hamilton disse, no entanto, que nunca sugeriu ao filho que se aposentasse. "Eu guardei isso para mim, ainda que eu estivesse indo para casa pensando que o mundo não deveria ser assim", disse ao jornal The Guardian.

Na semana passada, Hamilton recebeu um gato preto de pelúcia, considerado um sinal de má sorte no Brasil. A situação criou certo constrangimento - jornais ingleses chegaram a questionar se o ato era uma manifestação racista ao primeiro negro a correr na Fórmula 1.

Além disso, o site espanhol "Pincha la Rueda de Hamilton", em que o visitante podia deixar objetos em uma pista virtual de Interlagos para evitar que o piloto britânico terminasse o GP do Brasil, acabou saindo do controle, com várias torcedores deixando insultos racistas ao piloto britânico.

Fonte: Estadão

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | JCpenney Printable Coupons