segunda-feira, 11 de maio de 2009

I Festival de Poesias do CIAFRO na Baixada Fluminense - África, Africanidade e Negritude

É uma associação de natureza civil, sem fins lucrativos, que busca participar, de forma ativa, do processo de construção da identidade cultural brasileira. Conscientizar a população brasileira de nossa história, formação étnica e cultural, constitui questão fundamental para a construção dessa identidade e, conseqüentemente, para a transformação social tão almejada por aqueles que se fazem sujeitos da história. Dessa forma, o CIAFRO visa à divulgação da cultura afro-brasileira, bem como sua reedificação em todos os espaços culturais.

CIAFRO - Centro de Integração da Cultura Afro-Brasileira realiza:
I Festival de Poesias do CIAFRO na Baixada Fluminense - África, Africanidade e Negritude

O tema do concurso é África, Africanidade e Negritude.

Direcionado a estudantes de Escolas Públicas, o concurso dá a professores e alunos a oportunidade de cumprirem a Lei 10.639 de 9 de janeiro de 2003, que torna obrigatório o ensino de História da África e da Cultura Afro-Brasileira nas escolas brasileiras, de forma lúdica e prazerosa, através da poesia. Poderão ser trabalhados assuntos relacionados às etnias africanas e suas culturas, países da África, racismo, intolerância religiosa, preconceito, religiões de matrizes africanas e outros.

I Festival de Poesias da Baixada Fluminense - África, Africanidade e Negritude do CIAFRO – Centro de Integração da Cultura Afro-Brasileira.

Regulamento:
I) Somente poderão participar alunos regularmente matriculados em escolas públicas da Rede dos municípios: Nilópolis, Nova Iguaçu, Mesquita, Duque de Caxias, Queimados, São João de Meriti, Belford Roxo, Magé, Guapimirim, Paracambi, Seropédica, Japeri e Itaguaí. E também poderão participar os alunos das escolas da Rede Pública Estadual localizadas nestes municípios.

II) O concurso acontecerá em três (03) categorias:
1ª categoria - alunos do 3º ao 5º ano
2ª categoria - alunos do 6º ao 9º ano
3ª categoria - alunos do 1º ao 3º ano do Ensino Médio

III) Cada aluno poderá ter apenas uma (01) poesia inédita inscrita no concurso.

IV) Cada escola poderá concorrer, no máximo, com dez (10) poesias, sendo de autores diferentes.

V) A poesia deverá ser escrita em Língua Portuguesa, digitada em fonte Arial 12, estilo normal e ter, no máximo, 40 linhas, a contar os espaços, inclusive. Não serão aceitos trabalhos manuscritos.

VI) O título deverá vir escrito na folha da poesia à esquerda.

VII) À direita da folha da poesia, na parte superior, deverão constar os seguintes dados do autor, em fonte Arial 10, nesta ordem: Unidade escolar, nome e série.

VIII) A poesia deverá ser enviada em três (03) vias, juntamente com a ficha de inscrição devidamente preenchida e assinada pelo autor e pelo responsável legal, em envelope lacrado, até o dia 08 de agosto de 2009, para: I Festival de Poesias - África, Africanidade e Negritude, rua Senador Salgado Filho, 818 Olinda - Nilópolis CEP: 26525-111, valendo como data de entrega o carimbo do correio.

IX) Casos de desclassificação da poesia: a identificação indevida do autor, o não atendimento a qualquer item do regulamento e poesias copiadas ou plagiadas.

X) As poesias serão julgadas por uma comissão composta por: literatos, professores e ativistas do movimento negro, cuja decisão será irrevogável e irrecorrível.

XI) Critérios de avaliação por ordem de importância: profundidade e originalidade na abordagem do tema, criatividade da linguagem e correção da linguagem, respeitando-se as variedades linguísticas dentro do contexto abordado.

XII) Da premiação:
a) Serão selecionadas vinte (20) poesias de cada categoria, que irão compor a coletânea de poesias do I Festival de Poesias da Baixada Fluminense - África, Africanidade e Negritude do CIAFRO – Centro de Integração da Cultura Afro-Brasileira, totalizando sessenta (60) poesias. Os autores participantes poderão verificar o resultado da seleção no site do CIAFRO, a partir de 08 de outubro de 2009. Os autores selecionados receberão em suas Unidades Escolares convite para a participação do Festival.

b) Todos os autores selecionados receberão certificado de Menção Honrosa e a Coletânea do I Festival de Poesias da Baixada Fluminense - África, Africanidade e Negritude do CIAFRO – Centro de Integração da Cultura Afro-Brasileira.

c) Dentre os selecionados para a coletânea, os cinco (05) primeiros colocados de cada categoria receberão diploma com classificação e um livro de literatura com tema afro.

d) Os três primeiros colocados de cada categoria receberão respectivas medalhas de ouro, prata e bronze, sendo as mesmas feitas com material metálico sem valor, apenas de forma simbólica.

e) O primeiro colocado de cada categoria receberá um computador.

f) Toda a premiação será realizada sem quaisquer ônus para os autores participantes.

g) O Festival, com a solenidade de premiação, será realizado na primeira quinzena do mês de novembro em data e local a serem definidos pelo CIAFRO e divulgados posteriormente.

h) A apresentação dar-se-á apenas pela leitura da poesia, respeitando-se tempo limite para tal.

i) O júri considerará a oralidade e escolherá o melhor intérprete, seja autor ou não.

j) A poesia, no dia do Festival, poderá ser apresentada pelo autor ou por um intérprete escolhido por ele.

l) O melhor intérprete receberá diploma de vencedor de intérprete do I Festival de Poesias da Baixada Fluminense - África, Africanidade e Negritude do CIAFRO – Centro de Integração da Cultura Afro-Brasileira, além da coletânea, do livro de literatura e da medalha simbólica de ouro.

XIII) As poesias de cada categoria classificadas em 1º lugar serão exibidas no site do CIAFRO.

XIV) A ficha de inscrição se encontra disponível no site do CIAFRO - www.portalciafro.org.br

Outras informações pelos tels: CIAFRO (21) 3761-3354 / Vilma Malveira (21) 7837-3711 / Ignez Teixeira (21) 7837-3710
Fonte: Recebido por e-mail.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | JCpenney Printable Coupons