segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Inauguração do Memorial Mãe Betinha fomenta novos passos



No último dia 29 foi aberto ao público o Memorial Mãe Betinha, uma iniciativa do Pólo de Saúde e Saberes Afro Brasil que homenageia a falecida ialorixá Elizabeth de França Ferreira no dia que marca seu centenário. O evento que reuniu diversas gerações e nações do Candomblé pernambucano tornou-se muito mais que uma homenagem ao passado, mas uma porta para a articulação de grandes idéias.

A tarde de domingo reuniu pessoas ansiosas por pisar novamente o espaço que lhes abrigou por décadas. Aos poucos, filhos de santo de Mãe Betinha chegavam reconhecendo o ambiente, observando, analisando. Os familiares trouxeram com eles velhos amigos, vizinhos e admiradores desta ilustre senhora. Também tocados com o projeto, estiveram presentes representantes de diversos terreiros e nações do Candomblé de Pernambuco.

A mesa de apresentação foi presidida pelo babalorixá Marcelo Uchôa, sacerdote do Ilê Iyá Ori Axé Ogê Lawô e coordenador geral do Polo Afro. Também compuseram Lindacy Assis, do Coletivo das Entidades Negras de Pernambuco, CEN/PE, que falou sobre a importância da abertura de espaços que guardam os saberes afrodescendentes, de forma responsável e estruturada para uma formação cultural e educacional sólida da sociedade. Lia Menezes, pesquisadora, escritora do livro As Yalorixás do Recife e diretora do premiado vídeo de mesmo nome, expôs sua obra que encantou o público presente. Investigando e tratando da importância das mulheres para a religiosidade de matriz africana em Pernambuco, As Yalorixás do Recife contém importantes registros de Mãe Betinha em entrevistas e imagens. Cristiane Prudenciano, da Marcha Mundial pela Paz e Não-Violencia em Pernambuco demonstrou a importância da união dos esforços de todos para uma sociedade mais justa e fraterna. Jorge Barreto, presidente do Centro Espírita Caminho do Bem fundado por Elizabeth de França e seu esposo, Sr.Antônio Castilho observou o valor da união, com a quebra de barreiras e implementação de ações complementa em prol da comunidade. Finalizando, Marta Ferreira, filha carnal de mãe Betinha nos trouxe tocantes testemunhos por seus olhos de filha, mas não adepta do Candomblé, sobre a grande mulher, mãe, avó, esposa, líder religiosa e comunitária que foi Elizabeth de França Ferreira, Mãe Beta de Iemanjá Sabá. Após esta etapa, o evento recebeu brilhantes apresentações do grupo de capoeira Projeto São Salomão e do Afoxé Omim Sabá.

Marta, abriu oficialmente o Memorial ao público. O espaço destinado à exposição é o quarto da mãe de santo quando em período de atividades no terreiro e também onde ela recebia seus filhos de santo e consulentes. Móveis, objetos pessoais e de decoração todos eram pertencentes a ela e foram doados pela família e por alguns filhos de santo, assim como dezenas de fotos de acervos pessoais e colhidas de pesquisas publicadas, reproduzem a aura de simplicidade, beleza e fé deste personagem. O encontro também trouxe sinais positivos para a articulação de outros projetos do Pólo Afro, como a Biblioteca Comunitária, alfabetização de adultos, reforço educacional infantil e oficinas de artes variadas.

Mãe Betinha - Para o Candomblé, Mãe Betinha representou a resistência da religião à intolerância no período do Estado Novo e a preservação de um formato de culto de origem iorubana, o xangô recifense ou nagô em sessenta e cinco anos de sacerdócio. Em sua atuação à frente da comunidade do Ilê Axé Yemanjá Sabá Abassamí, Mãe Betinha representou liderança, consciência e força na defesa dos direitos e da posição da mulher na sociedade. Seu exemplo ainda vai além da esfera religiosa, quando trouxe para um dos bairros mais populosos e carentes da Região Metropolitana do Recife, Casa Amarela, olhares nacionais e internacionais que transformaram o seu terreiro em uma reconhecida fonte do saber popular.

Memorial Mãe Betinha
Local: Ilê Iyá Ori Axé Ogê Lawô (Rua Jose Rebouças, nº 160, Vasco da Gama)
Visitas individuais ou em grupo, podem ser agendadas através do telefone (81) 9728-4750 (Marcelo Uchôa)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | JCpenney Printable Coupons