domingo, 13 de junho de 2010

Entidades se mobilizam contra acordo

Recife/PE - Entidades negras e anti-racistas e dirigentes quilombolas de Pernambuco já começaram a se mobilizar contra o acordo defendido pelo ministro chefe da SEPPIR, Elói Ferreira de Araújo, que pretende a aprovação do projeto do Estatuto defendido pelo senador Demóstenes Torres, do DEM de Goiás, com a retirada de reivindicações históricas da população negra.

Segundo Márcia Nascimento, do Quilombo de Conceição das Crioulas, “a aprovação do estatuto dessa forma, a ADI (anulação do decreto 4887/03), entre outras ações representam um retrocesso muito grande pra todo povo negro do Brasil”. “Nós povo quilombola estamos indignados com essa situação. Vamos unir forças”, afirmou.

Coletivo do PT/PE

Também o Coletivo Estadual de Combate ao Racismo do Partido dos Trabalhadores de Pernambuco lançou manifesto condenando os termos do acordo com Demóstenes. “O Coletivo Estadual de Combate ao Racismo do PT/PE, os anti-racistas e os negros e negras do Estado de Pernambuco se colocam frontalmente contra este acordo ao tempo em que aguardam o apoio inconteste dos companheiros e companheiras do coletivo nacional”, afirma o documento.

As lideranças negras de Pernambuco anunciam que já estão se articulando com os parlamentares na Câmara e no Senado pedindo a retirada da pauta de votação do projeto 213, relatado por Demóstenes para evitar a votação “deste monstro em que se torna o Estatuto com as mutilações propostas”.

“Entendemos que nós do Coletivo Nacional de Combate ao Racismo do Partido dos Trabalhadores necessitamos com toda urgência fecharmos posição contra tamanha afronta e desrespeito que se pratica em relação a luta do povo negro”, afirma o Coletivo de militantes petistas pernambucanos.
Fonte: Afropress

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | JCpenney Printable Coupons