sábado, 2 de outubro de 2010

Dia 03 de outubro, não tenham dúvida...


Aos meus mais velhos e as minhas mais velhas,

Aos mais novos e mais novas,

A benção,

Hoje escrevo esta carta para pedir votos para Bira Corôa (13.613) e Valmir Assunção (1310). Tenho convicção de que estou fazendo a coisa certa. Durante anos nós do Coletivo de Entidades Negras/CEN trabalhamos arduamente com o objetivo de auxiliar na construção da história política dos Religiosos de Matrizes Africanas do Estado da Bahia e de todo o Brasil.

Trabalhamos para construir a unidade dos Religiosos de Matrizes Africanas com as diversas entidades que defendem os nossos interesses, acreditamos e fizemos acontecer a Caminhada dos Religiosos de Matrizes Africanas. Com muita luta colocamos milhares de religiosos de matrizes africanas na rua, até a última caminhada quando colocamos 10.000 pessoas em Salvador pedindo respeito e liberdade religiosa, em um ato histórico do Povo de Santo.

Também construímos a Cartilha Nacional de Combate a Intolerância Religiosa, o Plano Nacional de Combate a Intolerância Religiosa e auxiliamos na Construção da Conferência Nacional de Promoção da Igualdade Racial e nesta mesma Conferência idealizamos e construímos o Fórum Nacional de Religiosos de Matrizes Africanas.

Todos sabemos que a Frente para a Regularização Fundiária dos Terreiros foi fruto da nossa ação quando da demolição de um terreiro de candomblé na Avenida Jorge Amado, de como fizemos um documento e entregamos ao Ministro da Justiça quando do ataque de traficantes a nossa casa de culto religioso. E para sermos breves a importância da Campanha Quem é de Axé diz que é!

Afirmo que em todos os momentos contamos com o apoio incondicional do Deputado Bira Corôa que dedicou o seu mandato a nossa luta e fez dele ferramenta para combater todo tipo de Intolerância Religiosa. Este é o único mandato da Assembléia Legislativa com recorte racial, que comemorou o Dia da África e transformou o 20 de novembro em uma atividade reivindicatória das ações dos Religiosos de Matrizes Africanas.

Valmir Assunção não é diferente disto, quando Deputado ele deu entrada no Estatuto de Promoção da Igualdade Racial e de Combate a Intolerância Religiosa, enquanto Secretário de Desenvolvimento Social e de Combate a Pobreza, montou a Coordenação de Povos e Comunidades Tradicionais, assim como empossou uma Yalorixá para coordenar o Projeto Mulheres da Paz, assim como apoiou ações do nosso povo em todo o Estado da Bahia.

Devido a estas ações e a estes passos sérios e dignos em defesa das nossas bandeiras e dos nossos Territórios Sagrados, estou pedindo a vocês, meus irmãos de Axé, que invistam tempo, recursos, forças e orações para a manutenção deste espaço.

Precisamos entender que estes espaços são de fundamental importância para nós Religiosos de Matrizes Africanas e não podemos abrir mão deles. Neste momento temos que fazer campanha, pedir votos, bater de porta em porta, conversar com os nossos irmãos de santo, filhos, sobrinhos e toda a nossa família de Axé.

Enfim, dia 03 de outubro, não tenham dúvida, para Deputado Estadual votem Bira Corôa (13.613) e para Deputado Federal vote em Valmir Assunção (1310).

Que os Orixás, Inquisses, Voduns e Encantados estejam conosco nesta jornada.


Marcos Rezende
Ogan de Ewá do Ilê Axé Oxumarê
Coordenador-Geral do CEN

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | JCpenney Printable Coupons