quarta-feira, 22 de junho de 2011

Três policiais do Caso Joel são novamente denunciados pelo MP-BA


O Ministério Público da Bahia (MP-BA) denunciou 12 policiais militares acusados de assassinarem quatro pessoas no bairro Nordeste de Amaralina, em Salvador, em agosto do ano passado. Entre os acusados, que também responderão por fraude processual, três estão envolvidos na ação desastrosa que culminou na morte do garoto Joel da Conceição Castro, de 10 anos, dois meses depois. Leonardo Passos Cerqueira, de 36 anos, Juarez Batista Carvalho, 37, e Eraldo Menezes Souza, 43, já haviam sido denunciados em janeiro pelo MP-BA, junto com outros seis policiais, pela morte de Joel. Eraldo foi o autor do disparo que atingiu o pequeno capoeirista, que também era garoto-propaganda do Governo da Bahia.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | JCpenney Printable Coupons