sábado, 20 de abril de 2013

No dia do índio, artefatos indígenas são destruídos no Passeio Público

No dia do índio, artefatos indígenas são destruídos no Passeio Público
O vereador Hilton Coelho (PSOL) recebeu uma denúncia encaminhada pelo Grupo de Teatro Popular Filhos da Rua, que atua artisticamente pelo social, de que a instalação artística de um cocar foi destruída no Passeio Público, na manhã desta sexta-feira (19), Dia Nacional do Índio.  A diretora e educadora responsável pelo movimento,é a tupinambá Taynã Andrade, que formalizou a queixa ao edil. "A destruição covarde demonstra um total desrespeito à cultura indígena e mostra a falta de apoio e segurança do governo estadual ao projeto dirigido por Tainã Andrade. Considero também como uma afronta aos direitos humanos e a livre expressão artística e religiosa. O cocar é um símbolo importante para os povos indígenas e a destruição que ocorreu não atinge apenas uma obra de arte. É muito mais que tudo isso. É um ataque aos valores ancestrais de um povo", protestou Hilton, que prometeu levar o caso para a Câmara Municipal de Salvador e não deixá-lo cair no esquecimento.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | JCpenney Printable Coupons