sábado, 31 de agosto de 2013

Sete países africanos reduziram em 50% as infecções de HIV

O relatório destaca que sete países da África sub-saariana , Botswana , Etiópia, Ghana , Malawi , Namíbia, África do Sul e Zâmbia , reduziram novas infecções pelo HIV entre crianças em 50% desde 2009.

Dois outros, a República Unida da Tanzânia e Zimbabwe , estão também a fazer progressos substanciais . Ele destaca que houve 130, menos 000 novas infecções pelo HIV entre crianças nos 21 países prioritários do Plano Global da África - uma queda de 38% desde 2009.

"O progresso na maioria dos países, é um forte sinal de que, com os esforços focados cada criança pode nascer livre do HIV ", disse Michel Sidibé , diretor-executivo do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV / AIDS (UNAIDS) . " Mas o progresso estagnou em alguns países com elevado número de novas infecções pelo HIV . Precisamos descobrir o porquê e remover os gargalos que impedem o crescimento ".

Com uma queda de 76% desde 2009, Gana apresentou a maior queda na taxa de novas infecções entre crianças e África do Sul mostrou um declínio de 63% ( menos 24 000 novas infecções por HIV em 2012 do que em 2009).

No entanto, o ritmo de queda em alguns dos países prioritários do Plano Global tem sido lenta como e em Angola , as novas infecções pelo HIV até aumentaram .

Novas infeções entre crianças na Nigéria - que tem o maior número de crianças adquirindo HIV ( cerca de 60 000 novas infecções pelo HIV entre crianças em 2012) - manteve-se praticamente inalterado desde 2009. Sem uma ação urgente na Nigéria, a meta global para 2015 pode não ser alcançada.


Fonte:http://www.guiademidia.com.br/acessar-ji.htm?http%3A%2F%2Fwww.waltainfo.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | JCpenney Printable Coupons