quarta-feira, 23 de março de 2016

Carta da Democracia


Ao Povo Brasileiro,


O Coletivo de Entidades Negras - CEN,  organização nacional do movimento negro vem à público manifestar sua preocupação diante do grave momento político que nosso país está vivendo.

Se a polarização do cenário político brasileiro já é, por si só, um sinal de alerta para a democracia brasileira, uma vez que demonstra a dimensão da pobreza do debate em que se assenta a maior conquista desta nação (o regime democrático), a sua utilização como instrumento de divisão social pré-golpe deve ser ainda mais preocupante.

As diversas ilegalidades cometidas por juízes, a princípio togados, porém que  têm nas “grandes mídias” os seus espaços de tribunais de exceção, apresentam a introdução da obra das contradições democráticas que tem como um de seus organizadores o Juiz Sérgio Moro.

O afã pela derrubada do governo democraticamente eleito partidarizou o judiciário e escancarou as janelas da sua inconstitucional parcialidade e fascismo. Vazamento ilegal de escutas telefônicas, condução coercitiva para depoimento com violação das garantias processuais penais se somam a outras estratégias com o nítido objetivo de espetacularizar o processo penal e de forjar na sociedade brasileira a figura de bandidos e heróis, sendo os primeiros, de forma tendenciosa, pertencentes ao grupo político que detém o poder da representatividade que lhe foi outorgado pela maioria do eleitorado nacional.

Essas divisões têm se acentuado de tal forma que corremos o risco de ver ocorrer aqui o que para nós era inimaginável meses atrás, uma guerra civil graças à disseminação do ódio.

Nós, como organização do movimento negro,  diante de nossas responsabilidades,  temos o dever de alertar e orientar sobre o atual momento em que a ideia de polarização está posta, e que destrói o melhor ambiente de maturação e avanço das pautas raciais, a saber, a democracia. Devemos nos unir contra todos os sinais de retrocesso da luta racial, LGBT, das mulheres, a sistemática perseguição a qualquer partido político e a toda e qualquer pauta reacionária, e isso significa se insurgir contra tudo aquilo que aponte tendências antidemocráticas, golpistas e fascistas.

Conclamamos o povo brasileiro a buscar ao máximo informações qualificadas sobre o atual momento político, não se deixando manipular por interesses sombrios de grupos empresariais e financeiros que querem fazer regredir uma agenda de avanços sociais tão duramente conquistados.

Conclamamos nossa população ao cuidado,  a não se envolver em situações de violência que venham justificar qualquer tipo de repressão dos aparelhos de segurança pública neste momento em que estão cada vez mais comprometidos com a sustentação de um golpe frio dado não pelas armas, mas com argumentos jurídicos e com a sustentação da grande mídia.

Alertamos que a primeira ação a ocorrer num caso como este é a supressão dos direitos individuais e a prisão sem acusação e sem provas de qualquer cidadão que seja suspeito de algo e, pelo que se avizinha, as suspeições por menores que sejam justificarão as prisões de muitas e muitos.

Nosso desejo como organização social é que a resolução deste impasse se dê pelas vias constitucionais e democráticas,  sem golpe, sem fascismo, sem demagogos, sem falsos heróis. No entanto, somos sabedores da nossa responsabilidade com a democracia e caso essa insinuação de golpe venha a se transformar em uma realidade nos posicionaremos contra e utilizaremos de todos os meios necessários para restabelecer os ventos democráticos para a nossa amada nação.

Atenciosamente,
Coletivo de Entidades Negras - CEN

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | JCpenney Printable Coupons